Pearson capacitará professores de inglês da rede pública em parceria com a Embaixada Britânica

British Prosperity Fund financiará programa integrado da Pearson para formação linguística e metodológica de mais de mil professores da rede pública de ensino

A Pearson, maior empresa de educação do mundo, firmou uma parceria com a Embaixada Britânica para implementar um programa de capacitação de professores de inglês da rede pública financiado pelo British Prosperity Fund. A implantação do projeto será feita junto a instituições governamentais e acontecerá até dezembro de 2018 inicialmente em três estados: São Paulo, Minas Gerais e Mato Grosso. O programa oferece um diagnóstico do nível de conhecimento de mais de 3 mil professores, além de cursos online que aperfeiçoarão a proficiência linguística e a formação metodológica de mais de mil educadores a partir de soluções digitais e serviços da Pearson English.

Em São Paulo, a primeira instituição beneficiada será o Centro Paula Souza. A parceria será firmada no dia 10 de outubro com a presença do embaixador do Reino Unido no Brasil, Alex Ellis, da diretora-superintendente do Centro Paula Souza, Laura Laganá, e do presidente da Pearson no Brasil, Luciano Kliemaschewsk. “Se quisermos realmente mudar a vida dos nossos alunos por meio da educação, é fundamental priorizarmos a capacitação continuada dos professores”, afirma o Kliemaschewsk.

Para dar início aos trabalhos, será feito um diagnóstico do nível de conhecimento do idioma dos participantes. No caso do Centro Paula Souza, serão avaliados cerca de 700 professores de inglês das Escolas Técnicas (Etecs) e Faculdades de Tecnologia (Fatecs) estaduais. Além de ajudar a desenhar as turmas que seguirão no programa, a mensuração dos resultados permitirá a elaboração de um estudo comparativo entre os beneficiários. O intuito é reforçar o debate público sobre o tema e incentivar maiores investimentos na área.

Também com base nos resultados, os professores com melhor performance participarão do curso de capacitação metodológica Teacher Development Interactive (TDI). Nesse caso, a conclusão garante certificação internacional pela New York City University/Hunters College.

Já os que tiverem índices abaixo da média participarão do programa de capacitação linguística online Pearson English Interactive (de até 400 horas) acompanhado da avaliação de eficácia Progress, da Pearson.

Os profissionais com o melhor desempenho no programa também participarão de oficinas presenciais de capacitação metodológica sobre aprendizagem ativa, avaliação balanceada, gestão de sala de aula, planejamento de aula e instrução diferenciada, entre outras. “Para além da capacitação técnica e metodológica dos professores envolvidos, o objetivo desta grande parceria é influenciar as políticas públicas relacionadas ao ensino de inglês no país e promover mais investimentos em programas do gênero na educação pública brasileira”, reforça Luciano.

Sobre a Pearson

A Pearson: líder mundial em educação, a Pearson tem a missão de transformar vidas fornecendo uma aprendizagem de melhor qualidade e mais acessível. A Pearson acredita que a educação abre oportunidades para melhores condições de vida e carreira profissional. ¬¬Por meio da campanha do Projeto de Alfabetização (www.projectliteracy.com), a Pearson apoia ações em alfabetização e letramento. O objetivo é que, até 2030, nenhuma criança nasça com o risco de não ser alfabetizada.

No Brasil, a Pearson atua em educação básica para escolas privadas por meio dos Sistemas de Ensino COC, Dom Bosco, Pueri Domus e, para escolas públicas, pelo NAME. No ensino superior, oferece catálogo de livros renomados, conteúdo digital, plataformas online de aprendizagem e serviços como apoio no desenvolvimento de ensino à distância. No segmento de idiomas, detém as principais marcas: Wizard – maior franquia de idiomas do mundo e líder do mercado no Brasil –, Yázigi, Skill e Quatrum. A área de cursos profissionalizantes é composta pelas redes Microlins, SOS, People e Smartz. Também oferece coleções de livros didáticos e materiais digitais de apoio a institutos e escolas de idiomas e programas personalizados de ensino bilíngue para colégios regulares. Saiba mais em: www.pearson.com.br

Sobre o Prosperity Fund

O Prosperity Fund é o fundo de cooperação do Governo Britânico financiado através do Foreign and Commonwealth Office (Ministério das Relações Exteriores Britânico), que consiste na assistência ao desenvolvimento a países que compõem a listagem de Ajuda Pública ao Desenvolvimento (APD) do Comitê de Ajuda ao Desenvolvimento da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). A APD visa o progresso econômico e o bem-estar social desses países por meio de doações que juntas somam 0.7% do Produto Nacional Bruto de estados membros da OCDE. O Reino Unido cumpre esta meta, dentre outros, através do Prosperity Fund, que apóia projetos estratégicos e importantes no mundo. Desde seu lançamento em 2011, o Prosperity Fund tem apoiado aproximadamente 500 projetos de cooperação, em 14 países e regiões do mundo, com a finalidade de proporcionar condições para o crescimento global sustentável. O Brasil é um parceiro ativo e os projetos implementados no país também visam beneficiar seu progresso econômico e social por meio do intercâmbio de conhecimento com o Reino Unido, nas áreas de políticas publicas em diversos setores, como Ambiente de Negócios, Mudanças Climáticas e Sustentabilidade, Energia, Infraestrutura e Educação & Conhecimento.